Ex-vereador e diarista são presos suspeitos de estuprarem criança de 11 anos.

A criança trabalhava na casa do político.

Um ex-vereador de Rio Branco do Sul, de 46 anos, e uma diarista, de 31 anos, que trabalhava na casa do político, foram presos nesta quinta-feira (30), em cumprimento a mandados de prisão preventiva por estupro de vulnerável. Os suspeitos teriam estuprado e abusado sexualmente de uma criança de apenas 11 anos, no dia 14 de maio deste ano.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher teria levado a vítima até a casa do ex-vereador, onde trabalhava como diarista, durante a tarde. No local, o homem teria estuprado a criança com a ajuda e a participação da mulher, que teria segurado os braços da vítima durante os abusos. Depois do crime, as investigações apontam que o ex-vereador teria dado dinheiro para a criança.

Os dois suspeitos foram presos e encaminhados para a carceragem da delegacia de Rio Branco do Sul, onde permanecem detidos.

Colaboração Juliana Rodrigues/ Rede Massa  

Comentários