3 milhões de paranaenses estão completamente imunizados contra a Covid-19.

O Paraná atingiu nesta quarta-feira (25) o marco de 3.058.806 milhões de pessoas completamente imunizadas contra a Covid-19.

Fonte: AEN.

Foto: Geraldo Bubniak.

O Paraná atingiu nesta quarta-feira (25) o marco de 3.058.806 milhões de pessoas completamente imunizadas contra a Covid-19. Elas receberam imunizantes de dose única ou segunda dose, completando seu ciclo vacinal. O número corresponde a 35,07% da população paranaense com mais de 18 anos, estimada em 8.720.953 pessoas.

“Estamos muito felizes em ver o Paraná salvando vidas ao avançar na vacinação contra o coronavírus. Nesta semana, batemos o marco das 10 milhões de doses aplicadas e de 3 milhões de pessoas totalmente imunizadas. Isso vai criando um escudo imunológico cada vez maior, e fazendo com que caiam os números de internamentos e de casos mais graves de Covid-19”, ressaltou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Dos que foram totalmente vacinados, 10,3% receberam a dose única da Janssen (Johnson & Johnson) — o equivalente a 316.022 pessoas. Os outros 2.742.784 receberam a segunda dose de seus respectivos imunizantes: 44% da Coronavac (Instituto Butantan/Sinovac), 41,7% com doses da AstraZeneca/Fiocruz/Oxford, e 3,9% com vacinas Comirnaty (Pfizer/BioNTech). Os dados são do Vacinômetro do SUS.

Além destas, o Paraná também aplicou 7.139.695 primeiras doses. No total, foram 10.198.501 doses administradas em todo o Estado desde o início da campanha de imunização, em janeiro. Atualmente, 85,5% dos paranaenses adultos receberam ao menos uma dose (D1 ou DU). A meta da secretaria estadual da Saúde é chegar a 100% até o fim de setembro.

“A segunda dose é fundamental para garantir o esquema vacinal completo e a possibilidade efetiva da imunização do organismo, combatendo novas variantes. É importante que cada cidadão seja responsável e tome esse reforço na data correta. Essa é uma atitude não apenas de cuidado próprio, mas também coletivo”, ressaltou o secretário estadual de Saúde, Beto Preto.

PERFIL - Entre os imunizados com D2 ou DU, o grupo que mais concluiu o ciclo vacinal, em números absolutos, foram as pessoas de 60 a 64 anos (459.304 pessoas), seguidas pela população geral de 18 a 59 anos (415.383), pessoas de 65 a 69 anos (408.628), trabalhadores de saúde (359.921) e pessoas de 70 a 74 anos (300.933). Além disso, os imunizados são, em sua maioria, mulheres, correspondendo a 55,9% do total.

MUNICÍPIOS — Também em números absolutos, os municípios que mais administraram D2 e DU são liderados por Curitiba, com um total de 583.883 pessoas totalmente imunizadas. Na sequência, estão as cidades de Londrina (150.060), Maringá (142.970), Cascavel (94.679), Ponta Grossa (84.075), São José dos Pinhais (67.763), Foz do Iguaçu (64.175), Paranaguá (58.798), Colombo (52.487) e Apucarana (39.504).

Proporcionalmente à população, segundo o Ranking da Vacinação, a cidade que mais avançou na aplicação de segundas doses é Esperança Nova, com 46,09% da população adulta contemplada. A lista segue com Guairacá (43,62%), Pontal do Paraná (43,04%), Kaloré (42,23%) e São Manoel do Paraná (41,37%).

Nas doses únicas, o município que mais aplicou foi Porto Vitória, chegando a 10,07% da população. Na sequência, estão Siqueira Campos (9,47%), Itaperuçu (8,84%), Sertanópolis (8,43%) e Imbaú (7,83%). Já na primeira dose, Pontal do Paraná lidera com 93,67% da população vacinada, seguida por Floresta (91,25%), Maringá (87,82%), Matinhos (86,36%) e Arapongas (84,52%).

Comentários