Grávida é morta a tiros em Cascavel - Notícias Mais FM 100.5.

Advogada tinha 32 anos e estava grávida de três meses.

FONTE: G1/PARANÁ

Vanessa Postal, de 32 anos, morreu após ser baleada em uma casa, no Centro de Cascavel, no oeste do Paraná, segundo a Polícia Militar (PM). O caso foi registrado nesta segunda-feira (2), e o companheiro da vítima é o suspeito.

De acordo com a família da vítima, a mulher era advogada e estava grávida de três meses do suspeito.

O companheiro de Vanessa, Robson Fachini, de 39 anos, foi encontrado morto ao lado dela. A polícia suspeita que ele tenha se suicidado após matá-la.

O Departamento Penitenciário do Estado do Paraná (Depen) comunicou a morte de Robson, que era agente federal de execução penal na Penitenciária Federal de Catanduvas, também no oeste do Paraná.

Conforme a família, a vítima tinha uma filha de quatro anos de outro relacionamento, e o suspeito uma filha de 10 anos.

Segundo a PM, a vítima foi encontrada após a mãe dela entrar em contato com a polícia para relatar o desaparecimento da filha.

A polícia localizou os corpos do casal depois de observar sangue embaixo da porta da casa. Em seguida, arrombaram o local e encontraram os dois mortos.

A Polícia Civil investiga o caso e apura a causa do homicídio.

Os corpos foram levados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Cascavel.

Comentários