16 políticos da região aparecem em lista do TCE com contas rejeitadas entregue ao TRE.

  • 10/07/2024
  • 0 Comentário(s)

16 políticos da região aparecem em lista do TCE com contas rejeitadas entregue ao TRE.

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) entregou, nesta terçafeira (9), ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR) a relação dos gestores públicos que tiveram contas julgadas irregulares nos últimos oito anos e com decisões já transitadas em julgado. A lista servirá de base para a Justiça Eleitoral analisar os pedidos de registro de candidaturas às eleições de outubro, podendo indeferir ou não.

A formalização da entrega da lista foi feita pelo presidente do Tribunal de Contas, Fernando Guimarães, ao presidente do TRE, desembargador Sigurd Roberto Bengtsson. Na região de Campo Mourão, 24 pessoas foram incluídas na lista, sendo que 16 deles são políticos – ocuparam cargo de prefeito ou vereador. São eles: Aguinaldo Luis Chichetti, ex-prefeito de Roncador; Angela Maria Moreira Kraus, ex-prefeita de Farol; Antonio José Quesada Piazzalunga, ex-prefeito de Iretama; Celso Rodrigues Modesto, ex-presidente da Câmara de Juranda; Dirnei de Fátima Gandolfi Cardoso, ex-prefeita de Farol e Fabiano Otávio Antoniassi, ex-prefeito de Araruna.

Constam também entre os nomes, Fuad Kffuri, ex-prefeito de Goioerê (falecido); Hélio Chelni, ex-presidente da Câmara de Nova Cantu, Henrique Sanches Salla, ex-prefeito de Mamborê (falecido); Ilizeu Puretz, ex-prefeito de Roncador; Jair Januário Detofol, ex-prefeito de Janiópolis (falecido); João dos Santos Laurindo, ex-vereador de Ubiratã; Luiz Antônio Volpato, ex-prefeito de Moreira Sales; Luiz Roberto Costa, exprefeito de Goioerê; Nelson José Tureck, ex-prefeito de Campo Mourão; e Osney Picanço, ex-prefeito de Corumbataí do Sul. A lista completa com todos os nomes pode ser conferida no link: https://tinyurl.com/y3sb86h2

Conforme o Tribunal de Contas, a lista encaminhada ao TRE contém 1.861 nomes. A relação será cruzada com a lista de pré-candidatos a vereador e prefeito em outubro, para que a Justiça Eleitoral possa validar ou não os registros de candidaturas.

Relação 

O documento contém os nomes de 1.861 pessoas – não necessariamente servidores ou gestores – que tenham utilizado, de algum modo, dinheiro público nos últimos oito anos e tiveram contas julgadas irregulares em processos que já transitaram em julgado no Tribunal de Contas

Vale lembrar que não se trata de uma lista de inelegíveis, porque esta situação só pode ser determinada pela Justiça Eleitoral, a partir da existência do registro de candidatura. Da relação, constam informações sobre haver ou não imputação de débito no processo em que ocorreu o julgamento pela irregularidade das contas. Serviço A lista completa com todos os nomes pode ser conferida no link: https://tinyurl.com/y3sb86h2

Fonte e imagem: Tribuna do Interior 


#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 10

top1
1. RELAÇÃO ERRADA

GUSTTAVO LIMA PART. BRUNO & MARRONE

top2
2. DOIS TRISTES

SIMONE MENDES

top3
3. VAZOU NA BRAQUIARA

HUGO & GUILHERME

top4
4. AMOR DIFERENTE

THIAGO & SAMUEL PART. SIMONE MENDES

top5
5. ME LEVA PRA CASA / ESCRITO NAS ESTRELAS

LAUANA PRADO

top6
6. TORRE EIFFEL

MANU BAHTIDÃO PART. GUILHERME & BENUTO

top7
7. CORPO SEXY

GUILHERME & BENUTO PART. MAIARA & MARAISA

top8
8. DEU MORAL

ZÉ NETO & CRISTIANO

top9
9. EQUIVOCADA

TRAIA VÉIA PART. GUSTTAVO LIMA

top10
10. BEM MAIS QUE EU

DIEGO & VICTOR HUGO


Anunciantes